Na culinária do Joãozinho tem Xanddy, Harmonia e confissão

Olá amantes da culinária,

Não é segredo pra ninguém que ousadia é meu nome do meio (risos). Foi assim, que eu cheguei de mansinho no show do Harmonia do Samba em Teixeira de Freitas, no último dia 16/12 e gravei com o simpático Xanddy. Ele contou o que mais gosta de comer, qual o cardápio que sempre vai bem na casa do casal Xanddy e Carla e outras coisas. Foi bem legal.

Além de falar de comida, ele disse que foi neste show em Teixeira de Freitas que ele e a banda, Harmonia, deram início à maior temporada do ano. Daqui eles seguiram em uma sessão de apresentações, até emendar reveillon, verão, carnaval…

Xanddy e Joãozinho
Xanddy e Joãozinho

Sobre sua alimentação, ele contou que passou a se alimentar melhor, de forma mais leve, mas que quando precisa de energia, investe no bom macarrão. Sabe o que ele mesmo sabe e gosta de preparar quando encara o fogão?? NADA! É isso mesmo, ele confessou que de comida só entende da parte da degustação.

Para descobrir qual a comida que sempre faz sucesso na casa dos famosos, você terá que assistir a entrevista. Dá o play, aumenta o volume e curte aí porque com Xanddy sempre bomba!

Comentários

*A melhor receita italiana em restaurante português da Bahia*

Culinária com Joãozinho
Culinária com Joãozinho

Olá amantes da culinária,

Numa terça-feira chuvosa, dias atrás, eu fui conhecer de perto a melhor receita italiana de 2017, vencedora da categoria prato principal do Festival Sabores de Teixeira. Essa delícia com gosto de Itália foi criada no melhor restaurante português da região. Isso mesmo, eu não escrevi errado: restaurante PORTUGUÊS! Além de ver de perto o preparo do Polpetone do Quinta do Barreira, eu tive a oportunidade de desfrutar da companhia do Rui, esse português cheio de carisma que nos recebeu com muita alegria para apresentar seu restaurante, contar um pouco da sua história e ainda mostrar a beleza e o aconchego da adega do Quinta. Um luxo com jeito de casa de família.

Culinária com Joãozinho
Culinária com Joãozinho

Aliás, tudo por lá é muito familiar. O lugar é ótimo e é uma empresa familiar. Nasceu de um sonho simples e cresceu, mas até hoje tem a base casal, filho e irmão na administração e na cozinha. Além disso, com certeza é um dos melhores espaços para levar @ [email protected] Se estiver em fase de conquista ainda, é investimento certeiro. Você vai impressionar, causar uma ótima impressão e tudo por um preço justo. O serviço é ótimo, a qualidade dos ingredientes também. O ambiente é absolutamente acolhedor e tudo fica ainda mais charmoso com a possibilidade da visita à adega. Perfeita para degustar um charuto e tira-gosto. Na hora de escolher os vinhos, sobram opções. Além dos portugueses, tem vinhos chilenos, argentinos, franceses, espanhóis…

Culinária com Joãozinho
Culinária com Joãozinho

Sabe outra coisa maravilhosa no Quinta: a fartura de cada prato, típica da culinária portuguesa. Os pratos são muito bem servidos e você ainda tem a opção de meia porção ou prato individual. Eles valorizam cada detalhe, são extremamente cuidadosos com a qualidade e apresentação, como ficou claro durante o preparo do prato. Na cozinha, com o Joaquim, acompanhamos o passo a passo, até que o polpetone fosse para a mesa. A receita está ao longo do vídeo).

Já à mesa, o Rui nos contou que escolheu essa receita para o Festival ao ler uma notícia. Ele viu que os ingrediente dessa massa recheada não são fixos e a liberdade para criar foi o que lhe conquistou. A montagem, com um molho de tomate perfeita, sem acidez, e um queijo que derrete, ganhou também os clientes e jurados técnicos do concurso. Durante os dias de Festival, o Quinta do Barreira vendeu 400 pratos. Diante de tanto sucesso, o Polpetone segue no cardápio. Eu aconselho, vá, visite a adega, peça o vinho e deguste o melhor Polpetone da Bahia.

Galeria de fotos

Comentários

A matéria dessa semana tem gosto de chocolate, ou melhor, de brigadeiro!

A matéria dessa semana tem gosto de chocolate, ou melhor, de brigadeiro! Eu fui conhecer o novo endereço e a história dessa marca genuinamente teixeirense. Eu estou falando da Brigadeiríssimo, essa delícia de lugar, que está ainda mais bonito, elegante, charmoso, espaçoso. Tudo de bom! Além da loja teixeirense, tem o ponto de Prado, no litoral.

Brigadeiríssimo
Brigadeiríssimo

Na nova loja, quem me recebeu foi o chef Marcelo. Ele é o criador da marca. Em um bate-papo descontraído, Marcelo nos contou que no início o conceito da marca era apenas o da chocolataria, mas com o tempo, de acordo com a demanda dos clientes, a Brigadeiríssimo passou a atender também como cafeteria, com bolos, doces, salgados, sucos, chás, sucos detox…

Brigadeiríssimo
Brigadeiríssimo

Enquanto a gente conversava, saboreamos um café gostoso, acompanhado de pão de queijo recheado e bolo de chocolate a 50% e brigadeiro belga. Melhor nem tentar explicar o sabor, recomendo que você vá até lá experimentar. A massa é leve e com pouquíssimo açúcar. Além disso, o espaço gourmet é muito atraente e aconchegante e você pode desfrutar do serviço das 10 até às 21 horas, inclusive aos domingos.

Brigadeiríssimo
Brigadeiríssimo

Um dos xodós dos clientes é o bolo de aniversário da Brigadeiríssimo feito sob encomenda e muuuuito requisitado. Uma dica ótima para o Natal, são as caixinhas de chocolate, que você pode dar como presente de amigo X, como lembrancinha para os seus convidados e adoçar ainda mais essa data tão especial.

Galeria de fotos

 

Agora que eu já contei muito, saiba o resto no vídeo. É só clicar e conferir!

Comentários

Camarão dos deuses no paraíso do Pelô de Guaratiba

Olá, amantes da culinária!

Essa semana eu vou apresentar pra vocês muito mais do que um novo sabor, vou contar sobre um lugar…

Eu fui visitar um lugar maravilhoso e lógico que vou dividir isso com vocês. Eu estive no Residencial Pelourinho, esse lugar que, merecidamente, é conhecido como cantinho do paraíso. Foi criado pelo saudoso italiano Carlo Casarsa, jornalista esportivo e marqueteiro, que há 3 anos e 6 meses nos deixou. Em Prado, seu legado foi além do residencial Pelourinho, ele chegou a ser secretário municipal de Turismo.

Com a partida do jornalista, Andrea, sua companheira, segue “tocando o barco” desse lugar incrível que vibra em cores e alegria e que ela fez questão de nos mostrar em detalhes. O Pelourinho funciona como hotel e restaurante. Os seus visitantes tem a opção do “day use”, em que podem permanecer no espaço, usufruindo das dependências como piscina, playground…

Embalados nessa conversa, experimentamos uma deliciosa receita de camarão na moranga, uma comida típica da culinária praiana de São Paulo, Ilha de Ubatuba. Aliás, o cardápio de lá é cheio de ótimas alternativas de frutos do mar, carne, frango e moquecas, com porção para dois, com preço médio de R$ 92,00.

Ah, uma dica ótima para quem quiser repetir essa delícia em casa, é servir acompanhado de suco de mangaba, esse fruto típico do nordeste que dá sabor para sorvetes e serve até para fazer vinho. Mas agora chega de imaginar. Aperta o play e vê no vídeo a delícia que foi esse momento.

Galeria de fotos

Comentários

A entrevista da semana foi no O Fino do Leite. Lanche nota 10 e receita brinde

Olá, amantes da culinária!

Minhas semanas estão mais cheias de sabor do que nunca. Minha última [sensacional] experiência foi no O Fino do Leite, onde eu degustei “Fetuntta”, grande vencedora do Festival Sabores de Teixeira, 2017, na categoria lanche. Isso tudo junto um bate-papo delicioso com a Ana Amélia Moreira Portes Teixeira, essa mineira da Zona da Mata, mãe e esposa, que mora em Teixeira de Freitas há 12 anos e há 10 nos presenteia com as maravilhas do O Fino do Leite. É claro que no vídeo tem a receita, a conversa e mais uma receita brinde de “Coalhada Segura”.

Fetuntta
Fetuntta (Foto: redação)

Durante a entrevista, sabe quem chegou para um café? O Chef Stefano Peletti. Tudo assim, por acaso, mas que ficou melhor do que o planejado. Descobrimos que na hora de preparar uma receita com o tema “Itália”, que foi o exigido pela edição 2018 do Festival, Ana pediu conselhos ao amigo e Chef italiano. Ele não deixou barato e deu logo uma nota dez para o prato.

Conversando, a Ana contou que se graduou em Ciência e Tecnologia de Laticínios (UFV) Um curso bem raro. Depois disso, ela se especializou em Administração de Empresas (UFV). Juntando as duas formações, ela criou o O Fino do Leite. Desde o início a ideia foi de fabricar queijos artesanais, assim como outros derivados do leite. Sempre em pouca quantidade para garantir a qualidade. Para acompanhar, o café. A ampliação veio com as sugestões dos próprios clientes.

Joãozinho e Ana Amélia Moreira Portes
Joãozinho e Ana Amélia Moreira Portes (Foto: reprodução)

Com todo esse cuidado fica fácil entender o currículo de prêmios. Somente no Sabores de Teixeira foram três. Duas vezes primeiro lugar e uma vez, vice-campeão. Na hora de falar do Festival, Ana faz uma avaliação e diz que… Ah, já contei demais, agora dá o play e assiste. Vale a pena ver até o final!

Comentários

Saiba o que eu descobri sobre o Portinha

risoto Filé ao molho de framboesa
risoto Filé ao molho de framboesa (Foto: extremus21)

Olá amantes da culinária!!

Eu estou encantado com post dessa semana, que teve direito a um bate-papo regado a vinho tinto. Eu fui conhecer de perto a estrutura do Portinha de Teixeira de Freitas e amei tudo.O gastrônomo Leandro foi nosso anfitrião, o Chef Léo, como é mais conhecido, é de uma simpatia e simplicidade contagiantes. (E isso está sendo dito por mim que sou cozinheiro, apesar da clássica rixa entre nossa classe e a dos gastrônomos, mas aqui isso virou piada, como você vai ver no vídeo).

Chef Leo
Chef Leo (Foto: reprodução)

Ele preparou pra gente risoto e filé ao molho de framboesa, divinos. Uma das melhores comidas que já experimentei. E sabe o melhor? Tem ele preparando a receita em um dos vídeos aí, pra você prestar atenção e se aventurar aí no seu fogão.

Cozinha do restaurante
Cozinha do restaurante (Foto: extremus21)

Entre receita e vinho, ele contou um pouco da história do Portinha, que nasceu na Costa do Descobrimento e, mais recentemente, chegou em Teixeira de Freitas, trazendo ao grupo o desafio de adaptar sua cultura mais praiana, com comidas regadas a frutos do mar, a essa cultura “da terra”. O resultado é a incrível diversidade de sabores e combinações que eles servem todos os dias.

Galeria de fotos

Ao falar de si, Léo contou que sua experiência culinária vem de família, começou com a bisavó, a avó, a mãe e se concretizou com uma torta de banana. Achou engraçado? Mas é a pura verdade. Dá o play e confere isso e muito mais no vídeo.

Comentários

Stupendo! Conheça a história da vencedora do festival Sabores de Teixeira

Melissa Bersani
Melissa Bersani

Olá amantes da culinária;

O festival gastronômico Sabores de Teixeira, mais uma vez, deixou o seu legado, assim como, deliciosas receitas que passam a fazer parte dos cardápios. Na categoria sobremesa, quem levou a melhor foi a Cacau Show, com o “Stupendo”, uma combinação harmoniosa de waffle com chocolate ao leite e branco (La creme), acompanhado de morangos, sorvete e chantilly e castanha. Uma delícia que começou a nascer nos pensamentos da Melissa Bersani, proprietária das lojas Cacau Show de Teixeira de Freitas, no Centro e no shopping Pátio Mix.

O sucesso da Melissa com a Cacau Show começou há oito anos. Ela é casada com Gustavo Parrini, proprietário da TDF Provider (internet) e de mais um monte de coisas. Juntos, formam um casal pra lá de empreendedor e uma família linda, com dois filhos. Enquanto prepara a loja para o Natal com os panetones “Bem Casado”, “Amargo, “Diet”, “Zero Lactose” e muitos mais, ela conta que a ideia da franquia, que foi a segunda da cidade, chegou de presente, em uma cesta cheia de gostosuras. Pra entender essa história, dá o play no vídeo.

Galeria de fotos

Comentários